Os 5 Passos para o Personal Trainer Vender sua Consultoria Online

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Muitos profissionais ligados à saúde estão se destacando no ramo de consultorias e, dentre elas, a consultoria online ganhou mais espaço. O personal trainer, por exemplo, pode aumentar muito o seu número de clientes se utilizar a Internet para conseguir mais alunos e, claro, para manter aqueles que já possui.
Neste artigo, você encontrará os 5 passos para o personal trainer vender sua consultoria online. Aprenda-os agora e aumente o seu número de alunos hoje mesmo!

Por que as consultorias online são tão procuradas?

Com a consultoria, os clientes têm orientações profissionais a respeito da sua saúde e uma vantagem que atrai muito essas pessoas é que as orientações são personalizadas. Porém, a consultoria online tem um algo a mais: os consumidores conseguem encaixá-la no seu dia a dia, que é cada dia vez mais frenético.
Muitas pessoas querem cuidar da sua saúde e da sua aparência, mas não têm nenhuma condição de buscar um personal trainer pessoalmente: falta tempo. Dessa maneira, o profissional que atende online consegue alcançar essas pessoas, que podem estar em vários lugares do país e não apenas nas redondezas para onde ele pode se deslocar fisicamente.

Passo 1 – tráfego

O tráfego, nos meios virtuais, significa a quantidade de acessos que aquele conteúdo tem: quanto mais visualizações e interações, mais tráfego foi conseguido. O personal trainer que divulga o seu trabalho virtualmente seja pela rede social ou por um site próprio, tem de ficar atento a esse tráfego e a maneiras de gerá-lo.

Quanto mais tráfego o conteúdo virtual desse personal trainer tiver, mais clientes ele conseguirá e isso porque esses clientes em potencial estão exatamente dentre as pessoas que estão visitando o conteúdo. Para conseguir esse tráfego maior, é importante que uma boa propaganda da página ou do site seja feita.
O Google tem seu próprio serviço de propaganda, que é chamado de AdWords: com ele, o site do personal trainer aparecerá dentre os primeiros resultados das buscas e isso favorecerá o tráfego de internautas. Nas redes sociais também se pode comprar serviços de propaganda: é o chamado post patrocinado.

Passo 2 – engajamento

O engajamento consiste em “mexer” com aquele possível cliente de alguma forma. Imagine-se que o personal trainer tem uma página no Facebook e que ele está discutindo sobre melhores exercícios para definir a barriga: provavelmente, ele farpa com que o internauta se engaje, porque é um tema que acaba sendo bastante compartilhado e o alcance desse personal acaba subindo, pois mais internautas verão o seu conteúdo.

Se esse personal trainer finalizar os seus posts com o chamado call to action (expressões que convidam o internauta a se manifestar, como “escreva aqui se você já conhecia esse exercício”) também fazem com que o engajamento do cliente seja maior e, especialmente nas redes sociais, isso é muito importante para que a página seja divulgada para os outros usuários.

Passo 3 – oferta

O personal trainer tem de oferecer algum conteúdo e algum serviço. Não basta ficar publicando vários conteúdos que não tenham relevância ou que sejam muito “por cima”: é necessário que o material traga informações de qualidade e, além disso, que haja esse material.

Um dos erros de quem utiliza a Internet para promover as suas consultorias online é deixar de oferecer material quando se torna ligeiramente “famoso”. Esses profissionais acabam por mostrar somente o seu dia a dia, mas se esquecem de mostrar conteúdos relacionados à consultoria, que é exatamente o que os internautas gostariam de ver e o que acarretará mais clientes.

A oferta no sentido comercial da palavra também é importante para a consultoria online ter sucesso. Muitas pessoas não podem gastar altas quantias, mas querem ter mais saúde e melhor aparência: por isso, fazer ofertas é muito importante para que o público sinta que aquela consultoria online também está ao seu próprio alcance.

Passo 4 – venda

Esse é o momento no qual o internauta que estava gerando tráfego para o site ou rede social do personal trainer se torna seu cliente de verdade. O problema é que muitos internautas acabam “se perdendo” nos passos anteriores e a venda em si deixa de acontecer.

Para evitar isso, é essencial que o personal trainer mantenha o bom conteúdo, que ele cative os potenciais clientes também com o seu jeito claro de explicar tudo o que for necessário e que ele não se esqueça do passo 3: muitas vezes, é a oferta que vai fazer com que um simples engajado se torne um cliente da consultoria online.

Passo 5 – entrega

A entrega abordada aqui não é no sentido de “delivery”, mas sim de fornecer ao contratante da consultoria online aquilo que foi prometido. Um dos principais medos de quem contrata algum serviço online é exatamente se arrepender, ou seja, não alcançar o que desejava.

No caso do personal trainer, se ele oferece ao seu cliente um treino que faça o bumbum mais duro, ele tem de entregar isso, ou seja, o seu treino tem mesmo de oferecer esse resultado se o cliente for aplicado. Se o personal trainer prometeu que todos os dias se comunicaria com o seu cliente para saber do seu avanço e dar novas orientações, ele precisa fazer isso.

Quando o profissional não entrega aquilo que prometeu as consequências são sérias: primeiramente, ele fica desacreditado. Da mesma forma que os internautas se engajam para divulgar o bom conteúdo, eles também se engajam para avisar aos demais clientes em potencial que aquele serviço é enganoso.

Dependendo do nível de prejuízo ao cliente, o personal trainer pode ser processado por estelionato, o que significa ser preso. É por causa disso que o personal que escolhe oferecer consultoria online precisa estar atento à entrega: ele só deve fazer propaganda daquilo que realmente tem capacidade de entregar ao seu cliente.

Além disso, é claro que o profissional deve deixar claro a esse consumidor que o resultado não está condicionado apenas a ele, mas ao esforço do próprio contratante.

Deixe uma resposta